Marx Beltrão é homenageado por avanços no turismo

Marx Beltrão foi um dos agraciados com o Prêmio Top Of Millenium 2018, um reconhecimento a personalidades que se destacaram no último ano

A Associação Comercial do Distrito Federal foi palco na noite desta quarta-feira (14) da entrega do Prêmio Top Of Millenium 2018, um reconhecimento da Editora Voz de Brasília a empresários e autoridades de vários segmentos que se destacaram no ano passado. A homenagem se baseia na 18ª edição do Anuário Brasileiro de Economia, Turismo e Meio Ambiente, também lançado na ocasião, que reúne os principais dados e realizações de diversas áreas do país em 2017.

O ministro do Turismo, Marx Beltrão, um dos agraciados, foi representado pelo secretário executivo da Pasta, Alberto Alves.  “O ministro Marx conseguiu avançar em uma série de pautas importantes. Nossa expectativa é que as medidas adotadas pelo Brasil Mais Turismo elevem o Brasil a um outro patamar no cenário mundial, além de gerar mais emprego e renda no país”, destacou o secretário ao citar, entre os avanços alcançados pelo setor, o pacote de medidas voltado à superação de gargalos históricos no ramo.

Paulo Fayad, diretor da editora, apontou benefícios da publicação. “O anuário é o espelho do país, contendo dados estatísticos da economia e do turismo, além de mostrar avanços no meio ambiente, saúde e educação, entre outras áreas. Uma publicação que tem o intuito de mostrar o que existe no nosso belíssimo país para o público brasileiro e os investidores internacionais para que todos possam tomar melhores decisões na hora de fazer seus investimentos”, observou.

As informações do anuário foram colhidas junto a órgãos públicos e entidades de classe, como a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A publicação bilíngue, com 332 páginas, terá 150 mil exemplares distribuídos em mais de 20 países, além dos quase 300 mil destinados ao Brasil. O anuário é patrocinado pela Caixa Econômica Federal e tem apoio dos Correios, da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), entre outros.