Em busca de eficiência energética, rede hoteleira de Maceió opta pelo gás natural

Com a alta temporada do turismo em Maceió, a ocupação nos hotéis chega a quase 90% e esses empreendimentos enxergam no gás natural a eficiência energética ideal para oferecer mais conforto e segurança aos hóspedes. A modalidade de aquecimento de água é uma dessas possibilidades que, podendo ser utilizada em chuveiros, torneiras, lavanderias e piscinas, mostra-se mais versátil e econômica com o gás natural ao invés do uso de resistências elétricas.

O hostel Wanderlust localizado no bairro da Jatiúca faz parte do grupo de empreendimentos hoteleiros de Maceió que utiliza a eficiência do gás natural para suprir suas demandas energéticas. O hostel conta com duas cozinhas abastecidas a gás natural, sendo uma principal e outra de uso coletivo para os hóspedes, além de usar o gás para aquecer a água dos chuveiros de todos os banheiros do empreendimento.

De acordo com dados da Algás, já somam 68 o número de hotéis ou pousadas interligados que confiam na utilização do gás natural em diferentes modalidades como aquecimento, geração de energia e cocção (fornos e fogões). Diversas funções que ocasionariam em um alto custo com a energia elétrica podem ser substituídas por soluções a gás natural, obtendo maior eficiência energética e econômica.

“Atualmente, cerca de 70% dos hotéis atendidos pela Algás se interessam em explorar as diversas possibilidades que o gás natural proporciona, para além da cocção, que é o convencional. As soluções energéticas são diversas, tais como geração de vapor, secagem de roupas e aquecimento de piscinas e saunas”, salienta Fabio Sousa, gerente comercial da Companhia.

Para conhecer outras possibilidades de uso e garantir os benefícios do gás natural canalizado em seu estabelecimento basta entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente pelo número 117 ou acessar algas.com.br

26/12/2019